12 °C Lisbon, PT
Dezembro 12, 2018

Galiza veio mostrar-se ao Porto

De olhos postos no Xacobeo 2021, onde a aposta é a de o transformar no melhor Ano Santo da história, a Galiza viajou até ao Porto e durante um dia mostrou as razões pelas quais este destino está em franco crescimento a nível internacional e, em particular, em Portugal. A Enoteca 1756, em Vila Nova de Gaia, acolheu quase meia centena de operadores turísticos galegos, convidados pelo Cluster de Turismo da Galiza para apresentarem aos seus congéneres portugueses as ofertas turísticas do destino, promovendo a colaboração entre o Norte de Portugal e a Galiza. Este contacto com a realidade turística galega incluiu um jantar de degustação orientado pelo chef Pablo Gallego. Foram 160 os operadores turísticos portugueses que marcaram presença, interessados no que os galegos têm a oferecer.

Se por um lado em 2017, os turistas portugueses representaram quase 4% do número total de estadias, muito acima dos restantes mercados emissores internacionais, por outro lado, o Caminho Português é a segunda rota mais escolhida para fazer o Caminho de Santiago, com cerca de 20% dos peregrinos e o Caminho Português da Costa já ocupa o 7º lugar entre as rotas escolhidas, totalizando mais de 66 mil peregrinos no ano passado. E se a estes dados se associar uma cidade do Porto em pujante crescimento turístico e a dois passos da região vizinha, estão reunidos os motivos que levaram o Cluster de Turismo da Galiza a vir à Invicta procurar sinergias de trabalho entre ambas as regiões e promovendo um maior conhecimento dos produtos e segmentos especializados do turismo da Galiza.

Em simultâneo, com o aproximar do Ano Santo de 2021, um marco significativo para o destino galego e no qual o Cluster já está a trabalhar em força, serão dadas a conhecer, no Norte de Portugal, as principais ações que serão implementadas no terreno.

“A escolha recaiu sobre o Porto, pela sua natureza dinâmica, jovem e urbana, mas também pela proximidade geográfica. E por isso, queremos aproximar esta cidade moderna e próspera à oferta de banhos termais, turismo ativo, enoturismo, natureza, relaxamento e toda a riqueza e diversidade que a Galiza tem para oferecer, tornando-a um destino turístico único e diferenciado. Onde o Caminho de Santiago chega ao seu destino, onde as praias desenham monumentos e onde a qualidade e cordialidade no serviço andam de mãos dadas”, refere presidente do Cluster, Cesáreo Pardal.

Pub