12 °C Lisbon, PT
Novembro 17, 2018

França: Voos marcados a partir de Portugal aumentaram 18 por cento

Estados Unidos da América, Argélia, Espanha e Rússia completam o Top 5 dos países que mais cresceram em marcações de viagens para França

A Travelport acaba de lançar um estudo sobre o setor das viagens no mercado francês. A análise realizada entre 1 de setembro de 2017 e 31 de agosto de 2018 revelou que os Estados Unidos da América, Argélia, Espanha, Portugal e Rússia foram os países cujas marcações de voos para França através dos sistemas globais de distribuição (GDS) mais cresceram em números absolutos, relativamente aos 12 meses anteriores.

O relatório evidencia que as marcações de voos feitas a partir dos Estados Unidos da América para França aumentaram em quase 100 mil reservas, o que significa um crescimento de 10 por cento. Já em relação à Argélia, o incremento foi de mais de 50 mil reservas (+ 8 por cento) e, Espanha teve mais 43 mil habitantes (+ 6 por cento) a marcarem voos para França no período em análise.

Portugal e Rússia “fecham” o Top 5 do estudo da Travelport. As reservas feitas em território nacional para França registaram um crescimento de 18 por cento (+ 43 mil), enquanto que as marcações da Rússia aumentaram 17 por cento (+ 40 mil). Dos dez países com maior crescimento de volume – onde se incluem a Tunísia, a Alemanha, o Japão e a China –, o que registou um maior incremento em termos percentuais foi o Brasil, que viu um aumento nas reservas feitas para França de 22 por cento (+ 30 mil).

Travelport processou mais de um trilião de transações

Refira-se que toda a informação do estudo deriva da interpretação da Travelport da transferência de dados de informações de marketing e reflete as marcações feitas apenas através de GDS. Reservas adicionais que tenham sido feitas diretamente com as companhias aéreas podem não ser consideradas. Uma nota também para o facto que a análise apenas tem em conta as reservas feitas para França como destino final e que os países utilizados em escalas não são considerados.

Os sistemas globais de distribuição são vastas redes de reservas de alta tecnologia que permitem que as agências de viagens, empresas de gestão de viagens e grandes empresas procurem e marquem voos em companhias aéreas, quartos de hotel, aluguer de carros e outros serviços relacionados com viagens. Globalmente, em 2017, a Travelport processou 1 trilião de transações através da sua plataforma.

Damiano Sabatino, Vice Presidente e Managing Director da Travelport para a Europa do Sul e o Norte de África, comenta: “Com o objetivo de atrair 100 milhões de visitantes estrangeiros por ano até França a partir de 2020, a indústria de turismo tem estado muito ocupada nos últimos 12 meses a promover ativamente o país junto dos turistas de todo o mundo. Este facto, combinado com as iniciativas para melhorar e diminuir o tempo do processo de pedido de visto para viajantes cineses, russos e indianos, bem como a cultura, atrações e tradições únicas de França, ajudaram a incrementar as reservas de voos em vários países. Nos próximos anos, esperamos que o número de visitantes em França continue a aumentar, sustentado nos acolhimentos de eventos globais como a edição de 2018 do Ryder Cup, o Campeonato do Mundo de Rugby, em 2023, ou os Jogos Olímpicos, em 2024”, afirma o responsável.

“A Travelport tem investido de forma significativa no desenvolvimento de produtos de análise de ponta para agentes de viagens e companhias aéreas porque reconhece o impacto que eles podem ter nas receitas. Até mesmo a análise de reservas relativamente simples pode ajudar os agentes de viagens a desenvolver pacotes de acordo com a procura do viajante, bem como apoiar as companhias aéreas na identificação de necessidades para aumentar ou diminuir a capacidade dos voos em determinadas rotas. Já nos temos apercebido de negócios que são conquistados, tendo em conta a análise eficaz de dados competitivos de mercado e isso só acontecerá ainda mais nos próximos anos, à medida que as empresas se tornarem mais sofisticadas em como as utilizam”, conclui Sabatino.